Arquiteto Oscar Niemeyer também fez história no setor da saúde

Juliana

, HealthArq
Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

O arquiteto Oscar Niemeyer, de 104 anos, morreu na cidade do Rio  de Janeiro (RJ) às 21h55 desta quarta-feira (5/12). Ele estava internado desde 2 de novembro no Hospital Samaritano, no bairro Botafogo, na Zona Sul.  Também criador de edificações do setor da saúde, Niemeyer completaria 105 anos em 15 de dezembro.

Nesta quarta, um boletim médico informava que o estado de saúde do conceituado arquiteto havia piorado e era considerado grave. Ainda conforme o hospital, Niemeyer respirava com a ajuda de aparelhos e encontrava-se sedado por causa de uma infecção respiratória.

Feitos para a cura
– Entre as obras do setor da saúde que Niemayer projetou está a Maternidade Rio de Janeiro, inaugurada em 1937.  Também o edifício do Hospital da Lagoa, na cidade carioca, foi projetado pelo arquiteto, construído em 1952 e inaugurado em 1958, este prédio de 10 pavimentos foi erguido para a Sul América Saúde e o Banco Lar Brasileiro.
O projeto do complexo Hospitalar Edmundo Vasconcelos, também foi elaborado pelo ícone da arquitetura. O local conta com jardins sugeridos por Burle Marx que dão o quê de frescor, de janela aberta no coração de quem chega. Dentro do belo edifício – projetado por Niemeyer, aquarelas e plantas enfeitam os andares.

HOSPITAL DA LAGOA (ANTIGO HOSPITAL SUL AMÉRICA) Projeto de Oscar Niemeyer inaugurado em 1959

Maquete do Hospital Edmundo Vasconcelos – projeto de Oscar Niemeyer – 1949 / Foto: Divulgação